Total de visualizações de página

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Os trabalhadores não reivindicam a "baderna".É coisa gratuita, irracional e fútil. O movimento social organizado, em especial os sindicatos, atuam de modo mais prudente e processual.
A legitimação da baderna como método e tática, dá crédito  às acusações do governo, dos seus lacaios no parlamento, e da mídia, contra os sindicalistas, responsabilizando-os pelo vandalismo e depredações perpetradas em Brasilia
Os trabalhadores se deslocaram de diversos pontos do país juntamente com suas direções sindicais, até à capital federal, com o objetivo de protestar contra  as reformas que Michel Temer tenta impor a todo custo; e ao mesmo tempo,  exigir o fim do seu governo em razão das evidências de crimes praticados por ele inclusive no exercício do mandato usurpado de Dilma Roussef.
Lideranças sindicais e parlamentares presentes no ato na Esplanada  denunciaram amplamente o grupo de mascarados que  provocavam a polícia, assim como a reação desmedida das forças de repressão. Em lugar de avançar sobre os provocadores, e dispersa-los, reagiu agredindo com força a maioria que participava do ato pacificamente.
Quem são aqueles por baixo das máscaras? Por que e em nome de que escondem seus rostos?
A rigor, nem podemos chamá-los de black blocs. A começar que não se trata de um partido ou movimento, mas de uma tática. Existem agrupamentos politicos de esquerda que adotaram a tática como uma forma de ação direta legítima a ser utilizada nos confrontos com a repressão. Atribuem-na a anarquistas, seja lá o que ainda se pode entender por isso. Portanto, por baixo da máscara pode ser que se encontre um militante radicalizado do PSOL  ou do PSTU; um anarquista ou um avulso sem partido ou ideologia que o guie. Mas pode ser também um  policial, ou um mercenário qualquer pago para chafurdar uma manifestação.
É difícil se ter o controle daqueles que participam de uma manifestação. Mas não e impossível. Não custa aos organizadores orientar as pessoas que participam de uma manifestação no sentido de denunciar junto a eles a presença de mascarados  que deve ser repelido por equipes responsáveis  pela segurança do ato.
Não adianta ficar especulando, Seja qual for as razões de um black blocs,  o importante é que não se tolere mais a presença de quem faça uso dessa tática nos movimentos sociais organizados.
http://justificando.cartacapital.com.br/2017/05/25/manifesto-em-prol-da-baderna-em-brasilia/